Eleições 2018: vaquinhas estão liberadas

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
A eleição do ano que vem vai ser a primeira com um fundo público com dinheiro para campanha, mas isso não quer dizer que essa será a única fonte de financiamento. O cidadão comum também poderá fazer doações e uma das modalidades possíveis será a famosa vaquinha.

Fonte: Câmara dos Deputados

Anúncios

Justiça proíbe adoção de votação secreta para Aécio

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Justiça Federal do Distrito Federal (DF) proibiu o Senado Federal de fazer votação secreta na sessão sobre o afastamento do senador Aécio Neves, marcada para semana que vem.

Fonte: Jornal da Record

Senado articula voto secreto para decidir Aécio Neves

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Na próxima semana, o Senado vai decidir se reverte ou não o afastamento do mandato e o recolhimento domiciliar noturno de Aécio Neves. Para evitar desgastes, alguns senadores defendem o uso do regimento que prevê votação secreta para tratar da prisão de parlamentares. O senador precisa de 41 votos para anular o afastamento.

Fonte: Jornalismo SBT

Procuradores são contra decisão do STF

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de submeter as ações cautelares ao Congresso Nacional em caso de políticos alvos de decisão judicial sem crime em flagrante repercutiu negativamente. Procuradores da lava jato criticaram os Ministros do STF.

Fonte: Jornal da Gazeta

Parlamentar não pode ser afastado sem aval do Congresso

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que parlamentares não podem ser afastados sem o aval do Congresso. A sessão terminou nesta quarta-feira à noite.

Fonte: Agência France Press

Como ficam as campanhas pela internet nas eleições de 2018

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Hoje você vai saber como ficaram as normas para a propaganda dos candidatos na internet nas próximas eleições. A reforma política foi aprovada pelo Congresso Nacional neste mês.

Fonte: Câmara dos Deputados

Pesquisa revela rejeição à corrupção

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Pesquisa da Organização Transparência Internacional, sobre percepção de corrupção, aponta que apenas 11% dos brasileiros declararam pagar propina para ter acesso a serviços públicos. É o segundo menor índice entre os países da América Latina e Caribe.

Fonte: Jornal da Gazeta