Crescimento econômico e desmatamento

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Sob pressão de grandes grupos econômicos, um fenômeno ameaça as reservas florestais em todo o mundo. Trata-se da redução, extinção ou mudança de categoria das áreas de proteção ambiental. No Brasil, as unidades de conservação constituem o principal alvo dessas pressões. Na tentativa de conter a destruição, organizações sem fins lucrativos atuam na Amazônia em projetos que visam identificar áreas ameaçadas, conter o avanço do desmatamento e, em alguns casos, implantar projetos que garantam a sobrevivência das populações locais. Em outra frente, um estudo revela que parte do dinheiro investido em projetos de agropecuária na Amazônia passa por paraísos fiscais no Caribe. Vamos discutir estas questões nesta edição do Matéria de Capa.

Fonte: Matéria de Capa

Anúncios