Ações contra planos de saúde são recorde na justiça

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O não pagamento de remédios, a recusa de próteses e reajustes abusivos no valor das mensalidades são as principais queixas dos clientes de planos de saúde. Eles até tentam buscar uma solução junto às operadoras, mas muitas vezes não encontram e acabam recorrendo à Justiça. É o que mostram os números da Justiça de São Paulo. Foram julgados mais de 40 mil processos, no ano passado, contra planos de saúde. Na seção de Direito Privado, este tipo de ação já ocupa o primeiro lugar nos assuntos mais julgados, com um crescimento de 15% em relação a 2016. São cerca de 127 novos casos por dia – mais de 90% dos casos são favoráveis ao consumidor.

Fonte: SBT Jornalismo

Anúncios