Acúmulo de cargos causa alto prejuízo nas contas de MG

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O governo de Minas Gerais suspendeu o pagamento de servidores do estado que acumulavam cargos ilegalmente. O Tribunal de Contas investiga mais de 100 mil funcionários, que geraram um prejuízo anual de quase R$ 6 bilhões aos cofres públicos.

Fonte: Jornal da Band

Anúncios