O construtor de telescópios ficará sem herdeiro

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Aos 77 anos, Bernardo Riedel trabalha de 10 a 12 horas por dia. Até mais, se for uma noite de céu claro, quando aproveita a boa visibilidade para testar os telescópios que produz num galpão no bairro do Horto, em Belo Horizonte. Dali, Riedel calcula já terem saído mais de 1.500 instrumentos fabricados por ele com a ajuda de dois assistentes.

Fonte: TV Folha

Anúncios