Figura de Chaplin segue viva 40 anos depois de sua morte

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
A figura de Charles Chaplin está mais viva que nunca após 40 anos de sua morte e do centenário do primeiro filme que produziu e dirigir, o que se deve tanto à universalidade de sua obra como a gestão eficaz dos seus direitos autorais. Para lembrar a data, um museu dedicado ao artista na cidade suíça de Corsier sur Vevey, onde ele passou seus últimos 25 anos de vida, iniciou uma série de eventos esta semana.

Fonte: EFE Brasil

Anúncios