Trump reconhecerá Jerusalém como capital de Israel

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou no dia 6 de dezembro de 2017 o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel e ordenará para lá a transferência da embaixada, que agora está em Tel Aviv. No entanto, Trump reconhece que as fronteiras específicas da soberania israelense em Jerusalém estarão sujeitas a negociações de status final com os palestinos, e seguirá apoiando o status quo no Monte do Templo, situado na parte palestina da cidade, disse um dos funcionários.

Fonte: EFE Brasil

Anúncios

Hambúrguer de insetos: saudável e sustentável

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
As larvas da farinha são uma fonte sustentável de energia para o corpo. Elas contêm 50% de proteína. Além disso, elas precisam de bem menos espaço, água e alimento do que outros animais. E suas emissões de CO2 são mínimas.

Fonte: DW Brasil

Três semanas geladas e inesquecíveis na Antártida

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Embarcamos num cruzeiro pela Península Antártica, com paradas repletas de vida selvagem nas Ilhas Malvinas e Geórgia do Sul. Confira nossa aventura.

Fonte: Estadão

Você sabe como funciona o Bitcoin?

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
Você já ouviu falar sobre o Bitcoin? A moeda que nasceu no mundo virtual começa a ganhar a atenção de cada vez mais pessoas. Afinal, qual outra moeda que chega a valer R$ 40 mil? No Guia do Dinheiro desta semana, o jornalista Marcelo Torres tira dúvidas sobre a moeda.

Fonte: Jornalismo SBT

Pó de baobá: o superalimento da África

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O pó do fruto do baobá, uma árvore africana milenar, pode ser o novo superalimento que, além de oferecer nutrientes e vitaminas, dá para ser aproveitado por completo. Ou seja, zero desperdício. Mas a colheita envolve riscos, como você vê no vídeo do Futurando.

Fonte: DW Brasil

Proposta a política de assistência às pessoas com diabetes

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
A diabetes é uma das principais causas de morte no Brasil e no mundo. A doença atinge cerca de 15 milhões de brasileiros. Estima-se que mata mais que o trânsito e quatro vezes mais que a Aids. Uma proposta em análise na Câmara institui a Política Nacional de Prevenção e Assistência às Pessoas com Diabetes. O projeto já foi aprovado na Comissão de Seguridade Social e Família. Agora, aguarda parecer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Só depois a proposta segue para o Senado.

Fonte: Câmara dos Deputados

Loja vende alimentos vencidos para evitar o desperdício

Clique na imagem para ver o vídeo
0.jpg
O supermercado de alimentos que passaram da validade fica em Berlim. Eles compram produtos com data de validade vencida por preços baixos e revendem barato para seus clientes.

Fonte: DW Brasil